..: Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus :..


Redes Sociais

  • Facebook
  • Youtube

Goiânia, 17 de Setembro de 2019

Formação - Por que o demônio é chamado de acusador ?

Por que o demônio é chamado de acusador ?

 

“Porque foi precipitado o acusador de nossos irmãos, que os acusava, dia e noite, diante do nosso Deus” (Ap 12,10b).

 

 

Satanás alegra-se cada vez que os homens pecam, e não perde nenhuma oportunidade de dizer a Deus que tal ou qual alma caiu. Satanás cada vez que quer falar a seu Criador só tem que se dirigir a Ele. Deus escuta tudo o que se diz, isto é, conhece qualquer espécie inteligível que procede de qualquer demônio. O demônio não precisa ir a nenhum lugar, pois Deus está em todas as partes. Satanás recorda a Deus os pecados que cometemos, é o que deseja expressar quando nos acusa. Esse tipo de comunicação entre Deus e Satanás vem sendo refletida tanto no Livro de Jó, quando ambos falam, como no Livro de Zacarias (Zc 3,1).

A única coisa que Satanás deseja com isso é recordar a Deus seus triunfos sobre nós. Depois do Julgamento Final, já não se cometerão mais pecados, assim, o diabo não poderá mais nos acusar de nada.

 

 

Deus e o demônio falam entre si ?

 

 

Na questão anterior, tornou-se evidente que é o próprio Satanás que fala, às vezes, censurando Deus pelos pecados que cometemos. Mas isso não é um diálogo verdadeiro e autêntico. Estas conversas acontecem? Ainda que ambos sejam dois seres espirituais, e os seres espirituais por sua própria natureza gostam da comunicação entre si, no entanto, estas conversas não acontecem. Por parte do diabo não há nenhum interesse em começar uma conversa com Aquele a quem odeia com todas as suas forças. E por parte de Deus, também não há interesse algum em falar com aquele que respira ódio contra Ele continuamente. Deus tem Sua dignidade, e por isso não quer conversar com quem Lhe insulta e blasfema continuamente. Não quer conversar porque na realidade não há nada sobre que falar.

 

 

Satanás pode ter um filho ?

 

 

Não, é absolutamente impossível que um espírito tenha um filho. Um espírito não pode procriar carnalmente. Um ser imaterial não pode fertilizar nada. A ideia que aparece em muitos romances e filmes de que, no final dos tempos, o demônio terá seu filho para ser o Anticristo não é apenas extrabíblica, mas teologicamente impossível.

Se ele se mostrar com uma aparência corporal, não deixará de ser uma mera aparência. Essa aparência não é o seu corpo; ele não tem corpo. O aspecto com o qual se revela é algo completamente fora de seu ser.

 

 

 

Resultado de imagem para demonio

 

 

 

 

Alguém poderia pensar que é possível estar com uma aparência corporal e em seu interior carregar um óvulo tomado de uma mulher ou um espermatozóide tomado de um homem, e que assim seria possível manter uma relação. Essa possibilidade nunca se deu na realidade, mas, ainda que se desse, o problema da impossível paternidade do diabo segue sendo insolúvel, pois essa aparência corporal seria mera portadora de uma semente alheia. Ainda que tivesse uma relação em que fecundasse uma mulher ou fosse fecundado esse óvulo alheio ou daquele espermatozóide. Não importa como seja, o diabo não pode ter um filho.

Data: 05/09/2019

Comentários

Subir


Facebook
Telefone: (62) 3584-3843
Av. Circular, Qd. E, Lt. E-1 – Setor Expansul - Aparecida de Goiânia/GO - Brasil Cep 74986-250
Copyright © 2019 - Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.