..: Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus :..


Redes Sociais

  • Facebook
  • Youtube

Goiânia, 23 de Fevereiro de 2020

Formação - Tenho receio por meus filhos que estão sendo doutrinados na “ideologia do gênero” na escola.

Tenho receio por meus filhos que estão sendo doutrinados na “ideologia do gênero” na escola.

Como católicos praticantes podem tirar algum sentido de tudo o que está acontecendo no mundo hoje?

 

Tenho receio por meus filhos que estão sendo doutrinados na “ideologia do gênero” na escola. O que podemos fazer para proteger nossos filhos de toda essa confusão e como podemos inverter a cultura predominante?

 

CHAMADAS PARA SITE 1812

 

Jesus nos convida a ler “os sinais dos tempos (Mt 16,3). Como São João Paulo II revela tão convincentemente em sua Teologia do Corpo, o maior sinal que nos foi dado em toda a criação foi o corpo humano em sua masculinidade e feminilidade - e no nosso tempo esse grande sinal está sob violento ataque. Como podemos "ler" isso?

 

 

A conexão entre os  capítulos 5 e 6 de Efésios é muito importante se queremos entender os sinais dos tempos. Vou explicar essa conexão e depois usá-la como ponto de partida para responder sua pergunta.

 

 

O que aprendemos em Efésios 5? Aprendemos que a união entre marido e esposa em "uma só carne" é um "grande mistério" que se refere a Cristo e à Igreja (Ef 5,31-32). E esse "grande mistério", como nos diz São João Paulo II, é "o tema central de toda a revelação, a sua realidade central. É aquilo que Deus... deseja, acima de tudo, transmitir aos homens na Sua Palavra".

 

 

O que Deus deseja, acima de tudo, dizer com a sua Palavra? Que Ele nos ama. Ele nos ama como um Pai, um irmão e um amigo, com certeza. Mas Ele nos ama de maneira particular como um Noivo. Na verdade, poderíamos resumir a Bíblia inteira nessas cinco palavras: "Deus quer se casar conosco". Quando proclamamos o amor salvador de Cristo aos outros, estamos proclamando o amor do eterno Noivo à sua Noiva, e os estamos convidando a dizer "sim" ao pedido de casamento celestial.

 

Deus queria que o seu eterno "plano matrimonial" fosse tão claro para nós, que carimbou uma imagem dele em nossos corpos ao nos fazer homens e mulheres e ao chamar homem e mulher a se tornarem "uma só carne". Para os que têm olhos para ver, essa é a boa nova sobre sexo, gênero e casamento: eles revelam o plano eterno de Deus para o universo.

 

O Verbo divino está registrado em nossa carne. E não apenas isso: o Verbo divino se fez carne - carne masculina, nascido de carne feminina (é sempre o masculino e o feminino juntos que revelam o "grande mistério") - para tornar conhecido para nós o plano do mistério de Deus no qual todas as coisas serão uma, consumadas em Cristo (Ef 1,9-10).

 

Mas aqui está o problema: existe um inimigo do Verbo, um antiVerbo, que está determinado a transformar o grande mistério da sexualidade humana numa grande miséria. "O "diabo" (‘diabolos") é aquele que "se atravessa no meio" do plano de Deus", como coloca o Catecismo.

 

E assim, desde o princípio, sua fúria diabólica esteve direcionada para o nosso corpo - mais especificamente para o nosso gênero (nossa capacidade de gerar descendentes). Mais especificamente ainda, sua inimizade esteve direcionada para a mulher, uma vez que sua fertilidade transformaria em carne Aquele que iria lhe "esmagar a cabeça" (Gn 3,15).

 

Isso nos leva a Efésios 6. Aí São Paulo continua sua apresentação da boa nova sobre sexo e casamento.

 

O Inimigo está atrás de nossos rins" desde o princípio, para nos fazer deixar de falar a verdade sobre o amor divino e falar a linguagem dele: mentiras! Aqui nos encontramos "no centro do grande combate entre o bem e o mal, entre a vida e a morte, entre o amor e quanto a este se opõe". Na verdade, João Paulo II acreditava que o mundo moderno pode estar "vivenciando o nível mais alto de tensão entre o Verbo e o anti-Verbo em toda a história da humanidade". Como reconhecemos o Verbo? Ele é aquele que se fez carne (Jo 1,14). Como reconhecemos o anti-Verbo? Ele é quem ataca o Verbo de Deus feito carne (1Jo 4,2-3; 2 Jo 1,7). Sim, é uma batalha espiritual que estamos combatendo, mas o campo de batalha é o corpo humano e o segredo divino que ele revela.

 

Se quisermos proteger nossos filhos da confusão que vem se formando no mundo e fazer alguma diferença na cultura predominante, devemos entender como o Inimigo conseguiu acessar a mensagem divina registrada em nossos corpos. No século vinte, um cavalo de Tróia, por assim dizer, entrou na cidade de Deus. Os cristãos ao redor do mundo optaram por cingir seus rins com as mentiras do látex"" ao invés de cingi-los com a verdade da Trindade. E agora, no século vinte e um, como foi previsto por homens e mulheres sábios que compreenderam o poder da contracepção de desorientar a civilização em suas raízes nós colhemos essa tempestade.

 

Mas não nos esqueçamos nunca de que onde o pecado é abundante, a graça é ainda mais abundante (Rm 5,20). Um outro sinal dos tempos é o grande derramamento da misericórdia divina.

 

Precisamos ponderar isso novamente se quisermos entender o que está acontecendo no mundo hoje. A boa nova sobre sexo e casamento está sendo colocada à prova, condenada, ridicularizada, rejeitada, cuspida, açoitada e crucificada. Mas quando tudo está na maior escuridão possível, a vitória está logo ali. Aguente "três dias" e veja o que acontece.

 

Se quisermos proteger nossos filhos da confusão que vem se instalando no mundo e reverter a cultura predominante, precisamos recuperar a noção de maravilha primordial na beleza divinamente inspirada do corpo humano. Precisamos passar a reconhecer no corpo humano a revelação da pessoa humana cuja dignidade exige nunca ser usada ou manipulada (muito menos mutilada). Precisamos redescobrir o tesouro da sexualidade humana como um estupendo sinal da imagem de Deus em nossa humanidade, e como um convite à liberdade humana, a viver essa imagem através da doação sincera da própria vida pelo Reino, no casamento ou no celibato.

 

 

 Extraído de: ""Boas novas sobre sexo e casamento"" - respostas para as suas principais dúvidas sobre o ensinamento católico - Christopher West

 

► Leia também os textos anteriores

Data: 18/12/2019

Comentários

Subir


Facebook
Telefone: (62) 3584-3843
Av. Circular, Qd. E, Lt. E-1 – Setor Expansul - Aparecida de Goiânia/GO - Brasil Cep 74986-250
Copyright © 2020 - Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.