..: Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus :..


Redes Sociais

  • Facebook
  • Youtube

Goiânia, 13 de Dezembro de 2017

Oração - Via Sacra do Tempo Pascal (Abril)

Oração Preparatória

Ao comecar esta Via Sacra, lembramo-nos em primeiro lugar, do grande Amor com que Tu, Vítima Divina a fizeste, pela primeira vez, na Sexta-feira da Tua Paixao. Da tua dor, brotou e derramou-se sobre nos a Misericórdia. E nos, que pecamos todos os dias, queremos arrepender-nos, aqui, a Teus pés, para fazermos conTigo este caminho, corn menos indignidade. Mostraste-nos o Teu Amor. Ajuda-nos, corn a Tua graca a mostrar-Te o nosso, e a traduzi-lo em obras, para a Tua gloria e conversdo nossa e dos nossos irmiios.

Amém


1ª Estação: JESUS É CONDENADO À MORTE

1ª Estação: JESUS É CONDENADO À MORTE


        Nós Vós adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Condenado morte! Condenado à morte por Pilatos, condenado à morte pelos sacerdotes, condenado à morte pelo povo, condenadop à morte, por amor a Ti!

        Também Me condenas à morte, quando pecas, alma infiel! Também exiges a Minha morte, quando preferes o pecado, a vida de comodidades, a Minha Lei incómoda e estreita.

        Por Amor de Mim, vais condenar a morte o teu egoísmo, as tuas más tendências, e vais acompanhar-Me neste caminho de dor, ao qual juntaris a tua dor, toda a dor que sofreres, todo incómodo que passares, todo o dever aborrecido que tiveres que cumprir.

        Por Amor de Mim darás estes passos. Por Meu Amor irás até ao fim, até à cruz, até à morte, porque Eu sou Aguele que seduz as almas.

        Vou seduzir a ma alma e levar-te atrás de Mim, presa de Amor. Vem! Este é o caminho que te ofereco. Se perseverares ate ao fim, oferecer-te-ei o Céu.
        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

2ª Estação: JESUS LEVA A SUA CRUZ

2ª Estação: JESUS LEVA A SUA CRUZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        A Minha Cruz... é o sinal sagrado dos Meus eleitos. Alegra-te por ela, se podes, como os Meus Discípulos. Se não podes alegrar-te, não te importes. Eu também não Me alegrei, embora toda a vida a tivesse amado... até desejado. Mas agora, ao olhar para ela, parece dura, difícil, pesada. Tem o peso dos teus pecados, aqueles pecados que tu sabes. É tão pesada... tão pesadal...

        Pesam sobre ela as tuas cruzes, todas as cruzes que tu recusas. Cruz recusada, cruz mal aceite por ti, vem aumentar o peso da Minha.

        Vem ajudar-Me! Vem tirar este peso tão grande de cima de Mim. Vem fazer esforço juntamente coMigo. cumprir a parte que te toca, no sofrimento do Meu Corpo.

        Leva coMigo a Cruz, a parte da Cruz que te cabe em partilha. Olha! São as incompreensões dos amigos, o teu trabalho, são as doenças, tuas ou dos teus familiares, são as desilusões, as amizades traídas, é veres a inutilidade do teu esforço, é teres de cumprir a Minha Vontade no que não gostas.

        Aos poucos se formará a tua cruz., com pedaços da Minha. São pedaços que Eu escolho e peso. especialmen. te para ti. Aceita carregar a cruz... sempre coMigo.

        Pai Nosso… Ave Maria… Glória…

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

3ª Estação: JESUS CAI PELA PRIMEIRA VEZ

3ª Estação: JESUS CAI PELA PRIMEIRA VEZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Seguindo-Me. verás a Minha queda. E verás as tuas quedas, as quedas que te enchem de vergonha, quando as consideras à Minha luz.

        As primeiras quedas, são as tuas quedas de infidelidade, que cometes na presença dos Meus Anjos. São aquelas quedas de falta de oração, as escolhas do que te agrada, mas está fora daquilo que sabes que Eu quero de ti, nesse momento.

        Parecem quedas pequeninas, essas quedas. Será que a Minha queda é pequena a teus olhos?

        Olha para Mim nesta situação, e olha para ti. Considera que nenhuma queda é pequena, para os que Me seguem de perto, que Me vêem cair. Se não te arrependeres, se não te arrependes destas quedas, então estás longe de Mim.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós. Senhor!
        Tende piedade de nós!

4ª Estação: JESUS ENCONTRA SUA MÃE

4ª Estação: JESUS ENCONTRA SUA MÃE


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Neste caminho de Cruz, encontramos agora Aquela que nós amamos. É Ela a Mãe que te dou, para companheira. Segue-Me com Ela, porque Ela está sempre perto de Mim neste caminho, mesmo quando a multidão te tapar a Minha presença, quando já não conseguires ver-Me, quando não souberes onde Eu vou.

        Quando nada souberes, continua com Ela. Conta-Lhe as tuas dores, e confia, porque com Ela estarás em segurança e não te desviarás do caminho.

        Este caminho, Ela sabe-o bem. Seguiu-o neste dia e em muitos outros. Hoje continua a segui-lo contigo, sempre que tu queres a Sua companhia na tua vida.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

5ª Estação: JESUS É AJUDADO PELO CIRENEU

5ª Estação: JESUS É AJUDADO PELO CIRENEU


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Alma que Me segues, este caminho que fazes coMigo é a tua vida. Não tentes encontrar caminho por outro lado, caminho fora do Calvário.

        O Cireneu vinha do campo, outros vinham da cidade, das suas casas. Todos passaram poi aqui. Tu tens de passar, não só à vinda do trabalho, mas no teu próprio trabalho; não só à vinda da cidade, mas na própria cidade, na cidade dos que te rodeiam, na cidade dos momentos de lazer e dias de festa; na cidade que és tu própria, com tudo o que encerras em ti.

        Na tua casa também passas por aqui. Todos os caminhos, todas as circunstâncias e ocupações da tua vida, passam por este caminho pedregoso, onde como Simão és convidada a segurar a Minha Cruz e a levá-la, cumprindo assim a tua parte, como Simão cumpriu a sua e como cumprem os teus irmãos.
Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

6ª Estação: VERÓNICA LIMPA O ROSTO DE JESUS

6ª Estação: VERÓNICA LIMPA O ROSTO DE JESUS


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Na tua caminhada, encontrarás como esta mulher, muitas ocasiões para mostrares, pelos teus atos, o testemunho daquilo que sentes por Mim. Não precisas de fabricar ocasiões, de procurares mostrar o que pensas e o que sentes, de dares nas vistas, porque as ocasiões serão postas diante de ti. muitas vezes quando menos pensares. E nessas alturas que terás que te declarar por Mim.

        Esta mulher avançou no momento exato, em que era preciso que avançasse. Não procurou, antas, tomar atitudes exageradas, que talvez tivessem o efeito de se ver afastada ou até maltratada pelos soldados ou pelo povo.

        Foi a mulher prudente na altura da prudência, e fone no momento de agir.

        Na tua vida, terás mais ocasiões em que precisarás de prudência. do que de mostrar força. Mas não te esqueças de que a prudência, quando é verdadeira, precisa de uma grande dose de fortaleza e domínio das tendências e dos movimentos impetuosos.

        Como esta mulher, vem hoje, com amor, enxugar o Meu rosto, através de uma aproximação maior, porque o ato de Verónica, nem sempre precisa de ser público.

        Todos os dias espero que, no teu coração, enxugues o Meu rosto.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!  

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

7ª Estação: JESUS CAI PELA SEGUNDA VEZ

7ª Estação: JESUS CAI PELA SEGUNDA VEZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos. ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Nova queda!... Caí pela segunda vez!...

        Foi uma queda mais difícil, mais dolorosa, da qual custei mais a levantar.

        Já meditaste nas tuas quedas pequenas. que são como a Minha primeira queda. Vê agora a Minha segunda queda, como as quedas que tu tens, depois de teres caído vezes sem conta nas imperfeições e omissões, nas facilidades do "eu”. Vê que, depois, cais mais dolorosamente.

        São quedas que sentes, se realmente estás coMigo, se Me acompanhas nas Minhas quedas.

        Cais dolorosamente contra a Caridade e contra a Justiça. Cais dolorosantente contra a verdade. Cais dolorosamente em irritação, em pensamentos, em tibiezas.

        Acompanha-Me na Minha dor, nesta Minha queda, porque, se unires a tua dor à Minha, serás purificada, alma que Me segues. e levantar-te-ás com esperança desejo de vencer coMigo.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

8ª Estação: JESUS CONSOLA AS MULHERES DE JERUSALÉM

8ª Estação: JESUS CONSOLA AS MULHERES DE JERUSALÉM


        Nós Vos adoramos e bendizemos. ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Diante de Mim, um grupo de mulheres chora. Diante de ti, o mundo chora e geme, com dores imensas.

        Esqueci-Me das dores para as consolar. Esquece as tuas, para consolares os que estão tristes, mesmo que estejas, ou que te pareça que estejas, sofrendo muito mais.

        Elas choravam por Mim. Os que te rodeiam choram pelas coisas mais diversas. Consola-os. Ensina-lhes que o caminho da dor é também o caminho da esperança. Não fales nunca dos teus problemas para consolar o próximo. Faz como Eu. Consola cada um pelos seus próprios problemas.

        Dá amor, como Eu. Dá paz e esperança.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós. Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

9ª Estação: JESUS CAI TERCEIRA VEZ

9ª Estação: JESUS CAI TERCEIRA VEZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Terceira queda... mais dolorosa ainda! Senti-a mais no Meu Corpo, já tão magoado pelas outras quedas.

        As tuas terceiras quedas, também são as maiores quedas, as que mais dores te darão.

        Depois da primeira e da segunda, vêm as quedas maiores. Não penses que estás livre delas, porque te tens conservado de pé há muito tempo, porque, depois de se cair segunda vez, há sempre a possibilidade da terceira.

        Cais na terceira queda, se cais em pecados graves. Cais na terceira queda em matéria de inveja, de orgulho de impureza. Cais na terceira queda, em todas as ramificações graves destes pecados e em todas aquelas em que, com gravidade, faltares aos Mandamentos. Cais na terceira queda, sempre que lesas o teu próximo ou o teu dever, de forma grave.

        Aceita a dor, porque Eu aceitei-a. Ampara-te a Mim, para te levantares, porque, embora caído, Eu mostro-te que se pode chegar a cair e depois chegar a vencer.

        Alegra-te por estares ao lado d´Aquele que venceu.

        Se não caíste, agradece-Me, porque Eu caí por ti, em teu lugar.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nos!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

10ª Estação: JESUS E DESPOJADO DAS SUAS VESTES

10ª Estação: JESUS E DESPOJADO DAS SUAS VESTES


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Despem-Me... É um momento doloroso!...

        Também tu terás momentos dolorosos, em que te sentirás sem nada ter, em nudez daquilo que és, sem os enfeita da virtude com que muitas vezes te cubro, para que o teu próximo não se horrorize com as tuas mazelas, e continue a estimar-te.

        A teus olhos, aparecerá muitas vezes a tua nudez espiritual. É preciso que Me acompanhes neste momento. Não esmoreças... na realidade, tu és mesmo assim.         Alegra-te, porque apesar da tua miséria essa miséria que vês e que irás vendo, cada vez melhor, à medida que Eu te for despindo, és tão amada por Mim.

        Humilha-te na tua nudez, porque Eu Me humilhei na Minha, e aceita com amor, por Amor de Mim, ser assim desnudada, e ainda mais, se alguma vez permitir que o teu próximo assim te veja, como todo o povo Me viu nu, no alto do Calvário.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós. Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

11ª Estação: JESUS É PREGADO NA CRUZ

11ª Estação: JESUS É PREGADO NA CRUZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Chegámos à Cruz, alma minha amiga. Queres avançar mais este passo?

        Não basta levar a cruz. É preciso ser pregado nela. Como Eu, tu serás pregada. Haverá ocasiões em que não lotas poderás fazer o que queres, ir onde pretendes.

        Muitas vezes te lamentarás amargamente da falta de possibilidade, de qualquer ordem, para fazeres o que desejas.

        Serás pregada à cruz. por doenças, deveres inadiáveis, por trabalhos.

        Serás pregada por amigos e inimigos. Sofrerás contradições, humilhações, as dores mais diversas. Não esqueças que, se Me quiseres pertencer de verdade, tens de ir coMigo até ao fim, até à Cruz. Não esqueças que é na Cruz que se apura e prova o amor.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

12ª Estação: JESUS MORRE NA CRUZ

12ª Estação: JESUS MORRE NA CRUZ


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Ser pregada à Cruz é ainda pouco, alma querida.

        Agora é preciso permanecer na Cruz o tempo que for necessário para ti. É preciso que permaneças na Cruz, sem desespero, sem reclamar, embora, como Eu, possas gemer.

        Agora, ao permaneceres na Cruz, sentirás o abandono, como Eu senti. E o momento mais doloroso da Cruz. A todos os que Me querem seguir de perto, dou a sofrer um pouco do Meu abandono. Aqueles que Me querem amar mais, dou também um pouco mais. Aqueles que querem ser totalmente Meus, dou a beber intensa-mente desta dor, porque é nesta dor que se realiza o Meu enlace com aquelas almas que não se satisfazem senào coMigo, que se entregam a Mim na Cruz, como Eu Me entrego. no altar, nas mãos do sacerdote.

        Eu sou o Sacerdote que imola na Cruz as almas totalmente entregues. É nessa dor que as desposo c as ligo para sempre a Mim.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!
        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

13ª Estação: JESUS É COLOCADO NOS BRAÇOS DE SUA MÃE

13ª Estação: JESUS É COLOCADO NOS BRAÇOS DE SUA MÃE


        Nós Vos adoramos c bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Nos braços de Minha Mãe ficou o Meu Corpo morto... O que Ela chorou ao ver as Minhas feridas, tão de perto!... Também tu, quanto mais de perto Me acompanhares, mais ocasiões terás de meditar nas Minhas dores e de as sentires perto, muito perto... em ti. Quanto mais perto estiveres de Mim, mais assentirás.

        Não penses que avançar no Amor e na união coMigo. significa encantares-te e gozar prazer espiritual. Significa, antes, estar mais coMigo nas dores, vê-Ias e senti-las em maior profundidade.

        Amar e sofrer, para Mim foram unidos, simultâneos, idênticos... Amar e sofrer completam-se... Amar sem sofrer é impossível neste mundo. Sofrer sem amar é terrível, desesperante.

        Se queres pertencer-Me inteiramente, não podes parar de amar. Se não paras de amar, não podes parar de sofrer. Mas esse é um sofrimento de luz., porque é de Amor. E um sofrimento que conduz à Vida, um sofrimento que vence coMigo, o pecado e a morte.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

14ª Estação: JESUS É COLOCADO NO SEPULCRO

14ª Estação: JESUS É COLOCADO NO SEPULCRO


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Fico no Sepulcro, na paz de quem cumpriu o dever até ao fim, num merecido repouso, de quem trabalhou incansavelmente.

        No Meu Sepulcro pareço um fracassado, que chegou ao fim das suas ilusões, a quem abafaram em Sangue as esperanças utópicas. Aos olhos de quem não sabe, ali, sou Aquele em quem muitos esperaram e que muito os desiludiu.

        Muitas vezes rezas e não vês resultados… esperas e afigura-se-te que esperas em vão, porque tudo parece complicar-se e o Céu parece surdo à tua esperança. Mas essa ainda não é a verdadeira Esperança. A verdadeira Esperança é aquela que orienta a Fé e a Caridade para frente, quando tudo parece perdido.

        A verdadeira Esperança diz-te: "Acredita", quando já não vês mais nada, quando já nem luz divisas na tua alma.

        A verdadeira Esperança diz-te: "Ama", quando em ti tudo é amargor, quando parece que não sabes amar, no meio dos fracassos e das desilusões.

        No Meu Sepulcro espero-te. Espero a tua Esperança firme, que apura a Fé e faz aumentar o amor que afrouxa.

        Procura-Me no Sepulcro, sempre que te sentires triste, lesiludida, fraca e pobre. E aqui, no meio do Meu parente fracasso, que te espero, que te quero ouvir dizer que sou Aquele em quem pões a tua esperança, até ao fim.

        Pai Nosso... Ave Maria... Glória...

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        pela Misericórdia de Deus, descansem em paz

15ª Estação: RESSURREIÇÃO

15ª Estação: RESSURREIÇÃO


        Nós Vos adoramos e bendizemos, ó Jesus!
        Que pela Vossa Santa Cruz remistes o mundo!

        Vê onde Me conduziu o sofrimento e a morte! Vê a Glória que se manifesta na Minha Ressurreição!
        No sou um fracassado, sou um vencedor!

        Fracassados são todos aqueles que não Me querem seguir, e aqueles que só querem seguir-Me quando tudo lhes corre bem.

        Sofre até ao fim, por Amor de Mim, que Eu te conduzirei à vitória, em que triunfei de toda a dor, de todo o pecado, da própria morte.

        Apoia-te no Meu braço forte e acredita firmemente que a minha Vitória é a tua Vitória, e que, se estás unida a mim coMigo vencerás.

        Alegre-te na dor; porque a dor é o caminho que desemboca na Vida, na Luz, no Triunfo.

        Alegra-te coMigo, porque estás no caminho certo, e, no fim, encontrar-Me-ás, de braços aberto, para te receber e te conduzir à Minhas Glória!

        Pai Nosso… Ave Maria… Glória…

        Tende piedade de nós, Senhor!
        Tende piedade de nós!

        Que as almas dos fiéis defuntos,
        Pela Misericórdia de Deus, descansem em paz.

ORAÇÃO FINAL

ORAÇÃO FINAL


        No final desta Via Sacra, ajoelhamos a Teus pés. Jesus, e pedimos-Te, pelos Teus imensos sofrimentos, que nos concedas a graça de vivermos, daqui para a frente, de coração contrito pelos nossos muitos pecados e obediente à Tua Vontade, manifestada pelos Teus Mandamentos, pelos Mandamentos da Santa Igreja, nossa mãe, pelas obras de Misericórdia e pelo dever de estado.

        Nós Te imploramos, que não desperdicemos os frutos desta Via Sacra, tuas deles vivamos para Te amarmos com mais pureza e Te servirmos com maior submissão.

        Prometemos para isso. empregar todos os meios que puseres ao nosso alcance e sermos sempre fieis à oração, diligentes na Caridade e firme na humildade. Amém

        Para alcançar as indulgências da Via Sacra:

        Pelo Santo Padre:

        Pai Nosso… Ave Maria… Glória…


Subir


Facebook
Telefone: (62) 3584-3843
Av. Circular, Qd. E, Lt. E-1 – Setor Expansul - Aparecida de Goiânia/GO - Brasil Cep 74986-250
Copyright © 2017 - Paróquia Santa Teresinha do Menino Jesus. Todos os direitos reservados.